Copy

Cidadãos Por Coimbra | Newsletter 14
1 de julho 2013

View this email in your browser
Como é que Coimbra vai responder a este desafio?

O movimento Cidadãos por Coimbra recebeu com alegria a notícia da classificação da Universidade de Coimbra a Património Mundial da Humanidade, tendo alertado de imediato para o aumento das responsabilidades que isso implica para a autarquia.
Queremos começar já a discutir o "e depois". E para isso convidámos Clara Almeida Santos, Carlos Fortuna, José António Bandeirinha e Victor Marques para uma conversa, no próximo dia 2 de Julho, terça-feira, pelas 18h30, no Café Santa Cruz.
Apareçam!

A Universidade de Coimbra foi classificada Património Mundial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). 22 de Junho passou assim a constituir uma data histórica para a Universidade e para a cidade.
Com esta decisão, a UNESCO reconhece não só o extraordinário valor do património arquitectónico dos espaços universitários, mas também, o que é mais relevante, o contributo inquestionável da Universidade de Coimbra na defesa e na difusão universal da língua e da cultura portuguesas. Com esta decisão, é a História da Universidade e da cidade de Coimbra que se consagra.
Comemoremos pois este momento de alegria e comecemos já a preparar o futuro, isto é, a pensar e a fazer cada vez mais universidade e cada vez mais cidade.
Porque Coimbra é a nossa causa, as responsabilidades de todos nós aumentam.
Construamos todos a Cidade que queremos e que Coimbra merece: heterogénea e plural, culta e inteligente, justa e amiga, transparente e participada, equilibrada e sustentável, com memória e ousadia. Das cidadãs e dos cidadãos.
A Cidade tem o futuro para conquistar.
CIDADÃOS POR COIMBRA
22 de Junho de 2013
Ciclovias
Na próxima edição de "Coimbra à Escuta" vamos discutir as ciclovias com Gerson Rei. 
"Coimbra à Escuta" Ã© um ciclo de conversas que promovemos todas as quartas-feiras, às 18 horas, na sede do Cidadãos Por Coimbra, na Rua Ferreira Borges, n.º 84.
Apareçam.




Gerson Rei 
conclui o Mestrado Integrado em Arquitectura pela FCTUC em 2011, tendo vencido o Prémio Secil Universidades 2009 com o projecto "Cluster Cultural na Acrópole da Penitenciária de Coimbra" (em co-autoria com José Gil Gama e Rui Vítor Baltazar).
Colaborou com Nuno Grande no atelier 'Pedra Líquida', Porto (2009-2011) e actualmente com o atelier 'Em Branco', Coimbra.
Co-fundador dos FØRT (composto por Pedro Resende, Rui Ferreira e Rui Vítor Baltazar), um grupo de criação artística formado a partir do prazer, da aptidão e do grande interesse pela arquitectura e suas áreas de influência. Com uma postura participativa e interventiva na vida urbana, os FØRT querem contribuir para a formação de uma cidade mais aberta e comunicativa.

Para garantir que as nossas mensagens chegam à sua caixa de entrada, por favor adicione cidadaos.coimbra@gmail.com à sua lista de contactos.


Copyright © 2013 Cidadãos Por Coimbra, All rights reserved.